local 1

Congresso Nacional ganha projeções para celebrar Dia Mundial dos Oceanos

Por CABN em 08/06/2021 às 22:34:28
Data é celebrada nesta terça-feira (8). Durante duas horas, torres do prédio mostraram imagens que reforçam a importância de proteger oceanos e espécies marinhas. Congresso Nacional recebe projeções para celebrar Dia Mundial dos Oceanos

O Congresso Nacional recebeu iluminação com projeções do fundo do mar no início da noite desta terça-feira (8). A iniciativa é da Organização Não Governamental (ONG) Oceana, para celebrar o Dia Mundial dos Oceanos.

Dia dos Oceanos: artista brasileira se une a ONG internacional para divulgar trabalho de conservação

Projeto capacita jovens para que se tornem 'defensores do meio ambiente'; veja como participar

Segundo a ONG, a intenção é "sensibilizar a sociedade sobre a importância de proteger os oceanos e as espécies marinhas, chamando a atenção para essa riqueza de todos os brasileiros". As duas torres do Congresso Nacional receberam imagens com durante duas horas. (veja vídeo acima).

"No país, milhares de famílias de pescadores e pescadoras dependem de um oceano saudável e abundante para garantir sua subsistência", dizem os organizadores do ato pelo Dia Mundial dos Oceanos.

Congresso Nacional recebe projeções para celebrar Dia Mundial dos Oceanos

Chico Ferreira / Oceana

Poluição

"Entre os desafios em todo o mundo é reduzir a poluição", diz a Oceana. Conforme a ONG, o Brasil acumula, por ano, 325 mil toneladas de resíduos plásticos nos ecossistemas marinhos. A informação faz parte de um levantamento chamado "Um oceano livre de plástico", publicado em 2020.

Beleza de recife no litoral de Honduras disputa espaço para grandes quantidades de plástico - imagem de arquivo

Luciano Candisani

"Já passamos da hora de reduzir a produção e o uso de plásticos descartáveis e inúteis. Hoje estamos cobrindo o concreto com essas imagens, mas o que queremos é que essa mensagem alcance cada deputado, cada senador e cada cidadão para que todos se engajem em ações concretas para restaurar os oceanos, em particular a nossa costa brasileira já tão sofrida", disse o diretor-geral da Oceana, o oceanologo Ademilson Zamboni.

Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.

Fonte: G1

Comunicar erro
local 2

Comentários

local 3