local 1

Projeto Prefeito de Marmeleiro Pr

PREFEITO: PAULO PILATI - 15

Por CABN em 12/08/2021 às 16:43:08

TRE - PR

MARMELEIRO - PARANƁ

PREFEITO: PAULO PILATI – 15

VICE: GIOVANI TOLOTTI – 17

COLIGAƇƃO: FUTURO MELHOR

MDB, SETEMBRO/2020.


MUNÍCIPES DE MARMELEIRO!

Apresentamos as principais propostas à gestĆ£o 2021-2024, que tem como

objetivo promover aƧƵes voltadas ao futuro do Município de Marmeleiro – PR. O

conteúdo foi desenvolvido a partir de opiniƵes de pessoas que enfatizaram as

necessidades do nosso Município.

É preciso preparar o desenvolvimento para os próximos anos. E, nessa vivencia

do dia-a-dia, pudemos analisar diversas Ć”reas do nosso Município, tendo como objetivo

obter os melhores resultados para a populaĆ§Ć£o. As propostas ora descritas representam

nosso compromisso com o desenvolvimento de nossa cidade, sendo que as mesmas

foram baseadas nas reais necessidades de nosso povo.

Nos orgulhamos de poder apresentar propostas e nos comprometemos a

conduzir com motivaĆ§Ć£o e diligĆŖncia o futuro de Marmeleiro.

Contamos com a sua confianƧa para ter em Marmeleiro um FUTURO MELHOR.

Paulo Jair Pilati e Giovani Tolotti.

SUMƁRIO

ADMINISTRAƇƃO E PLANEJAMENTO .................................................................................... 4

AGRICULTURA E MEIO AMBIENTE ........................................................................................ 4

ASSISTƊNCIA SOCIAL ............................................................................................................ 5

CULTURA ............................................................................................................................. 6

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO........................................................................................ 7

EDUCAƇƃO .......................................................................................................................... 7

ESPORTE E LAZER ................................................................................................................. 8

PLANEJAMENO URBANO E RURAL ........................................................................................ 9

SAÚDE ................................................................................................................................. 9

SEGURANƇA PÚBLICA ........................................................................................................ 10

MENSAGEM FINAL ............................................................................................................. 11


ADMINISTRAƇƃO E PLANEJAMENTO

- Incentivar a capacitaĆ§Ć£o dos servidores públicos para obter melhor desempenho na

execuĆ§Ć£o das tarefas.

- Reorganizar o organograma funcional para estruturaĆ§Ć£o dos departamentos, visando

a IntegraĆ§Ć£o dos mesmos por meio de Sistemas de InformaĆ§Ć£o.

- Elaborar projetos para viabilizaĆ§Ć£o de recursos nas esferas Estadual e Federal.

- Disponibilizar acesso à internet móvel em locais públicos.

- Agilizar as informaƧƵes dentro dos departamentos para que os munícipes tenham

resposta rƔpida.

- Manter um diĆ”logo permanente com o Poder Legislativo do Município, visando o

desenvolvimento e atender os anseios da populaĆ§Ć£o.

- Estudo legal para viabilizar porcentagem de licitaƧƵes para compras locais.

AGRICULTURA E MEIO AMBIENTE

- Melhorar a estrutura do departamento de Agricultura e Meio Ambiente, colocando-a

efetivamente em funcionamento, para serviƧos de cadastro, controle, tecnologia das

informaƧƵes e outros.

- Continuar e melhorar o projeto Porteira Adentro.

- Incentivar as atividades da agropecuƔria: produtores de leite, agricultura e agricultura

familiar, piscicultura, ovinocultura, caprinocultura, avicultura, suinocultura, hortifrúti e

demais atividades em assistĆŖncia técnica, conhecimento e gestĆ£o, buscando parcerias

de entidades e instituiƧƵes.

-ViabilizaĆ§Ć£o de projetos para o incentivo da produĆ§Ć£o de leite, melhorando alimentaĆ§Ć£o

com ĆŖnfase em nutriĆ§Ć£o animal, buscando o aumento da produĆ§Ć£o leiteira.

-Otimizar a realizaĆ§Ć£o de exames para Brucelose e Tuberculose.

- Dar continuidade a distribuiĆ§Ć£o de calcĆ”rio aos pequenos produtores rurais e sĆŖmen e

nitrogĆŖnio aos pequenos e médios produtores rurais.

- Incentivar e fortalecer a feira do produtor local, criando projetos de

empreendedorismo pleiteados pelas famílias da Agricultura Familiar, bem como

associaƧƵes e cooperativas.

- Estruturar a DivisĆ£o de Resíduos e DivisĆ£o Florestal para implantaĆ§Ć£o de aƧƵes.

5

- ImplantaĆ§Ć£o de Turismo Rural.

-Implantar programa de Incentivo à Hortas ComunitĆ”rias em terrenos baldios do

município.

-Viabilizar a criaĆ§Ć£o de estrutura para descentralizaĆ§Ć£o de licenciamentos ambientais,

visando agilizar a liberaĆ§Ć£o dos processos ambientais, de acordo com normas estaduais.

-Ampliar e melhorar o sistema de coleta de resíduos urbano no município, apoiando a

AssociaĆ§Ć£o dos Catadores de Materiais ReciclĆ”veis.

-Viabilizar o programa de controle populacional de cĆ£es e gatos.

-Preservar as Ć”reas de mananciais com mecanismos e estratégias de despoluiĆ§Ć£o e

recuperaĆ§Ć£o de solos e nascentes, por meio de recurso de ICMS Ecológico.

- Intensificar o apoio às entidades e movimentos organizados nĆ£o governamentais de

proteĆ§Ć£o ao Meio Ambiente e Animais.

ASSISTƊNCIA SOCIAL

- Desenvolver aƧƵes que contribuam para a efetivaĆ§Ć£o do Controle Social, fortalecendo

o Conselho Municipal de AssistĆŖncia Social, Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa

Idosa, Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com DeficiĆŖncia e Conselho Municipal

dos Direitos da CrianƧa e do Adolescente. Com previsĆ£o de capacitaĆ§Ć£o aos membros

dos conselhos nominados.

-Promover cursos de qualificaĆ§Ć£o profissional e geraĆ§Ć£o de renda.

-Criar projetos com grupos de mulheres, adolescentes e idosos que visem a

emancipaĆ§Ć£o do cidadĆ£o.

-Garantir acesso a documentaĆ§Ć£o pessoal.

- Possibilitar projetos que oportunizem ao adolescente experiĆŖncias e manifestaƧƵes

artísticas, culturais, esportivas e de lazer, com vistas ao desenvolvimento de novas

habilidades e sociabilidades.

-Garantir o acompanhamento social a adolescentes durante o cumprimento de medidas

socioeducativas de Liberdade Assistida e de PrestaĆ§Ć£o de ServiƧo à Comunidade e sua

inserĆ§Ć£o em outros serviƧos e programas socioassistenciais e de políticas públicas

setoriais.

- Criar Projetos que visem contribuir para a prevenĆ§Ć£o do agravamento de situaƧƵes de

negligencias, violĆŖncias e ruptura de vínculos.

6

- Reordenar e Implementar a GestĆ£o do Trabalho e EducaĆ§Ć£o Permanente para os

trabalhadores do SUAS, bem como compor Equipe Técnica de acordo com a NOB –

RH/SUAS.

- Garantir condiƧƵes adequadas para o exercício das atividades do Conselho, bem com

assegurar cursos de capacitaĆ§Ć£o aos membros do Conselho Tutelar.

- Criar Centro Dia, para atendimento do idoso em situaĆ§Ć£o de vulnerabilidade social.

- Garantir a qualidade do serviƧo prestado pela Casa Lar às crianƧas e adolescentes

institucionalizados.

- Fomentar o trabalho dos clubes de mĆ£es do nosso Município, promovendo feiras do

artesanato, produzido pelos mesmos e/ou artesƵes do município.

- Realizar Cursos e oficinas profissionalizantes, trabalhando em parceria com outras

políticas públicas e parceiros como SENAR.

- Dar continuidade com ampliaĆ§Ć£o dos projetos no Centro de ConvivĆŖncia da AssistĆŖncia

Social, para crianƧas e adolescentes.

- Articular junto Estado e UniĆ£o Federal, recursos para ampliaĆ§Ć£o do Centro de

ConvivĆŖncia da AssistĆŖncia Social.

CULTURA

- Criar um espaƧo para a exposiĆ§Ć£o de peƧas de artesanatos, valorizando e incentivando

pessoas da comunidade Marmeleirense.

- Incentivar a continuidade e apresentaƧƵes do Teatro dos professores em diferentes

eventos.

- Promover no município a inclusĆ£o de projetos junto a Lei de incentivo à Cultura - LIC e

demais leis de incentivo a mesma.

-AƧƵes de incentivo à produĆ§Ć£o literĆ”ria, artes, feiras culturais, prĆ”ticas musicais, prĆ”ticas

culturais como teatro, danƧas, artes circenses e outros.

- Incentivar a realizaĆ§Ć£o do Festival Municipal da CanĆ§Ć£o, abrangendo vĆ”rias categorias.

- Ampliar a participaĆ§Ć£o da Banda Marcial em Festival e CompetiƧƵes Regionais.

- ReestruturaĆ§Ć£o do Museu Municipal.

- Elaborar parcerias com entidades do nosso Município nas festividades Natalinas.

- Apoiar as festas tradicionais culturais e religiosas no município.

7

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

- Criar incentivos à instalaĆ§Ć£o de novas unidades industriais e comerciais no município e

buscar recursos para viabilizar a implantaĆ§Ć£o de Ć”rea industrial.

- Articular o associativismo com entidades representativas do setor empresarial visando

apoiar as iniciativas voltadas ao desenvolvimento econômico, trabalho e geraĆ§Ć£o de

emprego e renda.

- Desenvolver o apoio para o micro e pequenas empresas e agronegócio.

- Desenvolver um planejamento para alocar verbas de compra de merendas, que

priorizam fornecedores locais.

EDUCAƇƃO

- Manter e aperfeiƧoar a trajetória das aprendizagens, dando continuidade na melhoria

do Índice da EducaĆ§Ć£o BĆ”sica (IDEB).

- Investir na formaĆ§Ć£o e na capacitaĆ§Ć£o permanente de todos os funcionĆ”rios da

educaĆ§Ć£o, promovendo seminĆ”rios, palestras, cursos, conferĆŖncias, oficinas, para

melhorar cada vez mais a qualidade do ensino.

- Implantar Projeto para Pais, cujo objetivo é unir escola e família para enfrentar juntos

as diferentes situaƧƵes do dia a dia.

- Desenvolver projetos pedagógicos que estimulem o pensamento crítico e raciocínio

lógico, favorecendo o desenvolvimento social dos estudantes, com salas de robótica

para alunos do Ensino fundamental.

- Ampliar o acervo das bibliotecas nas escolas, com livros paradidƔticos, eBooks, para

alunos e docentes, incentivando o hƔbito da leitura e da escrita.

- Melhoria na estrutura física e nos equipamentos das escolas e CMEIs, sempre que for

necessĆ”rio e continuar a garantia de investimento em material pedagógico, merenda

escolar de qualidade, tecnologia da informaĆ§Ć£o e comunicaĆ§Ć£o.

- Realizar, periodicamente, levantamento da demanda por CMEI (Centro Municipal de

EducaĆ§Ć£o Infantil) para a populaĆ§Ć£o de até 3 (trĆŖs) anos, como forma de planejar a oferta

e verificar o atendimento da demanda.

8

- Ampliar espaƧos lúdicos de interatividade nas escolas municipais e CMEIs,

considerando a diversidade étnica, de gĆŖnero e sociocultural, tais como: brinquedoteca,

biblioteca infantil e parque infantil, respeitando as normas técnicas vigentes.

- Implementar a aquisiĆ§Ć£o de Datashow nas salas de aula, de forma gradativamente.

- Dar continuidade ao auxílio para o Transporte aos universitĆ”rios que residem em nosso

município.

- Manter e ampliar parcerias com APAE e outras instituiƧƵes educacionais de nosso

munícipio.

- Incluir o empreendedorismo no ensino fundamental da rede pública, com o objetivo

de transformar a visĆ£o de futuro dos alunos.

- Incentivar as escolas a participar de campanhas educativas sobre temƔticas de

seguranƧa, da cidadania, paz social, do meio ambiente, de saúde, de trĆ¢nsito, EducaĆ§Ć£o

Financeira, Programa Agrinho, PROERD e outros.

- Apoio ao atendimento de crianƧas com necessidades especiais e com dificuldades de

aprendizagem em salas especificas como: sala apoio, sala de recursos.

- Priorizar uma equipe de multiprofissionais (nutricionista, psicólogo) para atendimento

de alunos e funcionĆ”rios da educaĆ§Ć£o, quando necessĆ”rio.

-Reestruturar e implementar o Plano de Carreira de acordo com as mudanƧas da

legislaĆ§Ć£o educacional.

ESPORTE E LAZER

- Apoiar e aprimorar as prĆ”ticas esportivas como: futsal, vôlei, vôlei de praia, futevôlei,

futebol de campo, handebol, atletismo, bolĆ£o, bocha, badminton, xadrez, skate e outras.

- Apoiar a política de esportes integrada a outras Ć”reas, associados a terceira idade,

adultos, jovens, adolescentes e crianƧas.

- Ampliar as parcerias com as comunidades do interior em seus eventos referentes ao

esporte e lazer, com estrutura do Departamento de Esportes.

- Ampliar as parcerias com Ciclistas, Motociclistas, Jipeiros, Atletas de Artes Marciais,

entre outros, quanto à realizaĆ§Ć£o de eventos e da possibilidade de locais apropriados

para estas prƔticas.

9

- Ampliar as modalidades trabalhadas pelo Departamento de Esportes de iniciaĆ§Ć£o

esportiva (escolinhas) e articular junto a outras esferas de governo, parceria para a

execuĆ§Ć£o de projetos de iniciaĆ§Ć£o esportiva.

- Propiciar condiƧƵes adequadas para que as equipes de esportes, que representar em

o município em competiƧƵes regionais e estaduais, tenham resultados satisfatórios.

- Aumentar o incentivo a atividades jĆ” realizadas de lazer no município como, Passeio

Ciclístico e Minimaratona e Ampliar com Ruas do Lazer, Jogos das CrianƧas, 3ĀŖ Idade em

AĆ§Ć£o, entre outras.

- Apoiar eventos de lazer promovidos por organizaƧƵes nĆ£o governamentais.

PLANEJAMENO URBANO E RURAL

- Elaborar o Plano de Mobilidade Urbana, sinalizaĆ§Ć£o de transito, arborizaĆ§Ć£o urbana,

calƧadas, ciclo faixa e revitalizaĆ§Ć£o de ruas e avenidas.

- Viabilizar a criaĆ§Ć£o de Eixo de Desenvolvimento Econômico para Ć”reas Comerciais e

ServiƧos.

- Viabilizar a criaĆ§Ć£o de Eixo de Desenvolvimento Misto, garantindo a seguranƧa, o

trabalho e o bem-estar para os munícipes.

- Articular junto aos órgĆ£os competentes, melhorias e ampliaĆ§Ć£o da rede de esgoto.

- Captar recursos para pavimentaĆ§Ć£o (asfĆ”ltica e ou paralelepípedo) na Zona Rural.

- Desenvolver projeto que viabiliza a limpeza e manutenĆ§Ć£o dos bairros de nosso

Município, com coordenaĆ§Ć£o do setor responsĆ”vel.

- ReadequaĆ§Ć£o das estradas vicinais com a manutenĆ§Ć£o das pontes.

-Viabilizar a construĆ§Ć£o de novas unidades habitacionais junto as esferas Estadual e

Federal.

-Fazer um estudo para planejar a organizaĆ§Ć£o da Zona Rural em microrregiĆ£o, para

melhorar o desempenho dos trabalhos realizados pelo setor.

SAÚDE

- Manter oferta de medicamentos da FarmƔcia BƔsica, conforme portaria estabelecida

pelo Governo Estadual.

- Garantir os princípios bĆ”sicos do SUS como a UniversalizaĆ§Ć£o, Equidade e

Integralidade.

10

- Atendimento aos usuĆ”rios da AssistĆŖncia da Saúde Mental – CAPS I, enfocando a

integraĆ§Ć£o do paciente na comunidade e sua inserĆ§Ć£o familiar e social.

- Manter equipes de atendimento do ESF (estratégia de saúde da família) com cobertura

de 100%, expandindo os atendimentos em conjunto com todos os programas

preconizados pelo ministério da saúde.

- Manter em pleno funcionamento a Central de transporte, com renovaĆ§Ć£o de frota

conforme a demanda.

- Assegurar o transporte no deslocamento dos usuƔrios acometidos com doenƧas

crônicas e de tratamentos contínuos em outros municípios.

- Estabelecer melhorias na rede EmergĆŖncia e UrgĆŖncia com a expansĆ£o das pactuaƧƵes.

- Promover a atenĆ§Ć£o integral à saúde da mulher e do bebĆŖ, garantido atendimento de

qualidade seguindo a Linha Guia MĆ£e Paranaense, visando a reduĆ§Ć£o da mortalidade

infantil.

- Reduzir os riscos e agravos à saúde da populaĆ§Ć£o por meio das aƧƵes de promoĆ§Ć£o e

vigilĆ¢ncia em saúde.

- Promover capacitaƧƵes dos servidores e profissionais da saúde a fim de garantir a

melhoria e a humanizaĆ§Ć£o do atendimento na rede de saúde pública, assegurando uma

postura de atenĆ§Ć£o e cuidado que responda efetivamente à expectativa da populaĆ§Ć£o.

- Implantar um Programa de AssistĆŖncia e InternaĆ§Ć£o Domiciliar, contribuindo para a

desespiralizaĆ§Ć£o e o desenvolvimento e cuidado em casa.

- Implantar o Programa de Saúde do Trabalhador.

- Inserir o município de Marmeleiro a Rede de Linha Guia de Saúde Bucal do ParanĆ”.

- Garantir o desenvolvimento dos programas de atenĆ§Ć£o bĆ”sica à saúde bem como, as

coberturas vacinais.

- Garantir a efetividade e o pleno funcionamento das atividades do Núcleo de Apoio

Saúde da Família (NASF).

SEGURANƇA PÚBLICA

- Firmar parceria com o Governo do Estado no combate da criminalidade e trƔfico de

drogas no Município.

- Ampliar a InstalaĆ§Ć£o de cĆ¢meras de monitoramento em pontos estratégicos da cidade

e zona rural.

11

- Apoiar o CONSEG e Conselho da Comunidade.

MENSAGEM FINAL

As propostas acima descritas representam as necessidades do presente, mais

também tem VisĆ£o Futura do nosso Município de Marmeleiro.

Gostaríamos de ter a oportunidade de executar as aƧƵes desse Plano de Governo

a partir de janeiro de 2021, com planejamento e coerĆŖncia para iniciar com as

necessidades de urgĆŖncia de nossos munícipes.

A sua escolha serĆ” decisiva para ter em Marmeleiro um Futuro Melhor.

Vote 15 #prafrentemarmeleiro

A POPULAƇƃO ESPERA QUE AS PROPOSTAS SEJAM CUMPRIDAS.

Fonte: TRE - PR

Comunicar erro
local 2

ComentƔrios

local 3